REVISTA BICICLETA - Aventureiros do Pedal - João Pessoa, PB
Baixe Gratuitamente a Edição Digital de Março / Abril 2017 da Revista Bicicleta!
Pneus Kenda

O Portal
da Bicicleta

SHIMANO
Revista Bicicleta - Edição 73

Leia

Revista
Bicicleta



+bicicleta - Grupo de Pedal

Aventureiros do Pedal - João Pessoa, PB

Henrique Menezes conta como surgiu a ideia de formar um grupo de pedal com os amigos em João Pessoa – PB, para realizar passeios e conhecer novos lugares.

Revista Bicicleta por Henrique Menezes Wanderley
38.809 visualizações
17/03/2014
Aventureiros do Pedal - João Pessoa, PB
Foto: Divulgação

Visitei minha terra natal, Recife – PE, e fui até a Praia de Gaibu. Mesmo sendo nascido e criado na região, nunca havia percebido tanta beleza numa praia. Foi passeando pela região que me imaginei pedalando por ali com um grupo de amigos... 

Foi assim que o grupo surgiu, em março de 2011. Comecei a contatar alguns amigos ciclistas de João Pessoa – PB, local de minha residência atual e cidade que eu amo. Mostrei-lhes as fotos que havia tirado de Gaibu e alguns ficaram bastante entusiasmados.

Então, ainda em segredo, comecei a pesquisar grupos ou guias que pudessem nos acompanhar por aquela região. Nesta busca encontrei três ciclistas e líderes de grupos pernambucanos: Pedro Malta, do Grupo Marcha Lenta, Sergio Hazin e Sergio Falcone, líderes do grupo Trilhas Bikes Aventura. Após contatá-los, marquei a data para realizar o pedal. Depois disso, conversei com os amigos que se mostraram interessados no pedal. Feita a parceria, agendamos uma data e locamos uma van com reboque.

Os guias pernambucanos publicaram o pedal no Facebook e simplesmente apareceram cerca de 80 ciclistas no dia! Surgia ali uma parceria e uma amizade entre os grupos de Pernambuco e Paraíba.

Ainda sem nome, o Bira, um dos integrantes, sugeriu Aventureiros do Pedal. Este primeiro passeio rendeu fama ao grupo, todos adoraram as fotos que tiramos do pedal e muitos novos integrantes foram conquistados. 

Quando completamos um ano de grupo surgiu a ideia de criarmos um grupo formal, com registro em cartório, CNPJ, estatutos, regimentos e regras. Criamos a diretoria executiva e o conselho. Hoje, temos mensalidades e somamos 29 membros, mas nossos pedais são abertos a membros de outros grupos e para pessoas que não tenham grupos.

A procura para participar do grupo é grande, mas não estamos mais realizando associações este ano, e temos regras para receber novos membros. Nossa intenção é ter um efetivo pequeno com uma assiduidade maior, ou seja, qualidade e não quantidade. Mas cada grupo tem uma filosofia e percebe-se que em João Pessoa este estilo de pedal vem crescendo muito e os grupos formados inspiram a criação de novos grupos. Antes de fundarmos o Aventureiros do Pedal, havia apenas três grupos na cidade: Planet Bikes, Raios de Sol e Pedal Jampa. Só este ano, surgiram cerca de 20 novos grupos!

Entre nossos participantes, o mais novo tem 27 anos e o mais velho tem 72. A maioria são homens casados, pais de família, empresários, advogados e trabalhadores. Mas as mulheres também são bem-vindas e temos nove companheiras que pedalam conosco. Veja a opinião de alguns dos parceiros de pedalada sobre o grupo.

Carol Soares
“Foi através do grupo Aventureiros do Pedal que despertei a vontade de pedalar com maior constância em locais ainda não visitados. A união, organização e a paixão dos membros do grupo pela bicicleta são admiráveis, e isto fez com que eu me apaixonasse ainda mais pela prática da atividade. Mesmo que  você pedale apenas um dia no mês, quando você os encontra em outro pedal a interação é perfeita, como se você vivesse pedalando todos os dias com eles. Além da integração social, a bike me proporciona conhecer lindos lugares sem levar em consideração outro grande benefício, a saúde”.

Bruno Chacon
“A segurança, o companheirismo e a preocupação uns com os outros é fundamental para que o ciclismo seja praticado com muito mais frequência. Nesse ponto, os grupos de pedal são de suma importância. Nós nos sentimos mais motivados a pedalar em grupo tendo em vista as boas amizades e o compartilhar de passeios fantásticos. Afinal de contas, fomos feitos para viver inseridos em um grupo, em uma sociedade, e não para sermos isolados como uma ilha”.

Ana Margarida 
“Pedalar trouxe para mim sensações como liberdade, espontaneidade, motivação para o trabalho, para a prática de mais esportes, saúde e disposição. Alegria, prazer de viver, melhora da autoestima. Passei a gostar cada vez mais do que faço. Já pedalava em outros grupos e até mesmo sozinha. Em certo pedal em Campina Grande, tive a oportunidade de conhecer uma turma animada, pedalando sempre juntos e sempre brincando uns com os outros. Foi quando em determinada residência bastante carente o grupo parou e com poucas palavras combinaram que seria aquela casa ali; chamaram uma das crianças que estava na sacada e lhe entregaram uma nota de R$ 100. Fiquei sem entender o que estava acontecendo, mas também não perguntei, pois eu não era do grupo. Posteriormente descobri que em todos os pedais é sempre escolhida uma criança que recebe um valor em dinheiro aleatoriamente. A partir daí resolvi entrar para este grupo. Hoje, estamos indo para o terceiro ano e simplesmente é incrível, todos se respeitam, se ajudam, somos uma família”.

Alexandre Delamarck e Silva
“Pedalo há três anos, fiz diversos passeios ciclísticos com vários grupos de pedais e conheci diversas pessoas de vários níveis sociais com o mesmo interesse em comum: pedalar por prazer e bem-estar. Estou muito feliz por fazer parte do grupo Aventureiros do Pedal, pois me identifiquei com as pessoas que o compõem. O grupo propõe pedaladas não só no estado paraibano, mas também realiza intercâmbios com outros grupos e outros estados, o que desperta em mim muito interesse em estar presente. Tento participar de todos os eventos, pois é um prazer pedalar com a turma dos Aventureiros do Pedal. A bicicleta tem me proporcionado uma vida mais saudável e feliz”.

Maira Soares
“Eu pedalava pouco, mas vi o grupo ser criado, tomar forma e quando vi as primeiras fotos dos passeios que eles realizaram, simplesmente me apaixonei! Resolvi entrar no grupo, uma galera bem humorada, sempre com músicas, danças e fotos. Somos sempre os últimos a chegarem porque, como brincamos entre nós, ‘quem ganhou correndo foi Nelson Piquet’, ou ‘aqui ninguém vai tomar remédio controlado, então, não tem porque ter pressa para chegar’. A bicicleta já proporciona muitos benefícios com relação à saúde, bem-estar etc., e quando você tem uma turma para acompanhar, aí fica muito melhor. Pedalar com os amigos dos Aventureiros do Pedal é muito legal”.

Thiago Barbosa
“Quando um grupo é criado, surge uma família onde todos têm suas particularidades, mas juntos, fazem toda a diferença e formam a identificação do grupo. São proporcionadas belas amizades e companheirismo, bem como maior segurança nos pedais. As viagens realizadas em grupos tornam-se mais divertidas e proveitosas”.

Curtiu esse post?

Quer receber mais conteúdo sobre bicicleta e ciclismo em sua casa? Então clique aqui conheça nossas ofertas de assinatura.

Comentários Facebook
Comentários
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Para postar seu comentário faça seu login abaixo.

E-mail
Senha

 

Cadastre-se Aqui | Esqueceu a senha?

Edições On-lineCadastre-se Esqueceu a senha?
E-mail
Senha
Vídeos

 

 

Para fechar o banner, clique aqui ou tecle Esc.

Revista Bicicleta 2012 © Todos os Direitos Reservados