REVISTA BICICLETA - Como prevenir queimaduras do sol ao pedalar
Baixe Gratuitamente a Edição Digital de Janeiro / Fevereiro 2017 da Revista Bicicleta!
Pneus Kenda

O Portal
da Bicicleta

SHIMANO
Revista Bicicleta - Edição 71

Assine

Revista Física
Revista Virtual



+bicicleta - Saúde

Como prevenir queimaduras do sol ao pedalar

Proteja sua pele dos raios UV enquanto pedala!

Revista Bicicleta por Cycling Plus via BikeRadar.com
6.370 visualizações
11/05/2016
Como prevenir queimaduras do sol ao pedalar
Foto: BikeRadar.com

Aquele bronzeado de pedalada pode até te trazer boas lembranças, mas passar muito tempo pedalando ao sol pode trazer problemas sérios. Estudos da Pesquisas sobre o Câncer do Reino Unido apontam que a quantidade de homens e mulheres que morreram de câncer de pele aumentou nas últimas três décadas, sugerindo que nós não damos à nossa pele a devida atenção quando se trata de raios solares.

O Dr. Ian Coulson, da Fundação Britânica da Pele, diz que os ciclistas estão particularmente em risco devido a exposição ao sol. “Os ciclistas enfrentam danos cumulativos do sol proveniente da exposição crônica”, diz ele, “causando alto risco de melanomas cancerígenos e envelhecimento precoce.”

A pesquisa mostra outros dados interessantes. Um estudo com ciclistas em 2000 mostrou que durante um evento de ciclismo de 8 estágios, o nível de exposição aos raios solares foi mais de 30 vezes maior do que os limites internacionalmente recomendados.

Há dois tipos de raios ultravioleta que causam danos e que estão relacionados com o câncer de pele: UVA, que resulta em envelhecimento precoce, e UVB, que é o maior causado das queimaduras. O fator de proteção solar (FPS) do protetor solar se refere a proteção que o protetor solar oferece, indicando o tempo, em minutos, de proteção efetiva. É bom sempre checar se ele possui proteção UVA e qual a efetividade dela.

Então, como você pode prevenir queimaduras do sol?

Aplique o protetor solar. E então, aplique de novo.

Bevis Mann, da Associação Britânica de Dermatologistas, recomenda aplicar protetor solar antes de uma pedalada e reaplicar pelo menos a cada uma hora, sendo que mais da metade do protetor pode sai com o suor.

Martyn Frank, assistente da equipe Rapha Condor Sharp (RCS), diz que a equipe passa protetor mais rápido do que qualquer outro produto. “Basta esquecer uma aplicação para correr o risco de ter problemas de pele mais tarde”, diz Frank. “Rotina é a chave para não cometer erros; todos os pilotos profissionais mantém uma rotina, e ela sempre inclui o protetor solar.”

Use um protetor solar de FPS maior do que você acha que precisa. Os protetores solares são testados com 2mg em cada cm² de pele, o que é muito mais do que a maioria das pessoas usa. “Recomendamos usar no mínimo FPS 30, melhor ainda FPS 50, principalmente se você tem pele mais clara”, diz Mann.

Quando aplicar, não esqueça de áreas como pescoço, orelhas, joelhos e partes calvas do couro cabeludo, que podem ficar expostos devido ao sistema de ventilação de capacete. Você se queimar através da roupa, portanto, aplique protetor em todo o corpo, e se possível, use roupa com proteção UV.

E peles escuras, precisam de proteção? “As peles são classificadas em seis tipos, desde o fototipo 1 – pele clara que queima muito facilmente e não pega cor - até o fototipo 6, que é bem escuro e não queima fácil”, diz Mann.

“O processamento de melanina, o pigmento da pele que absorve uma certa proporção da radiação UV, é a chave que diferencia os tipos de pele. Nas peles mais escuras, esse processo precisa de menos danos de raios UV para iniciar o processo de bronzeamento, deixando o indivíduo menos exposto às queimaduras e câncer de pele. Mesmo assim, é difícil especificar, e continuamos recomendando o uso de protetor solar. É melhor prevenir do que remediar.”

Quanto você deve aplicar? A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda 35ml para o corpo todo, o que fica entre 7 colheres de chá ou duas palmas cheias. Uma colher vai para a cabeça, rosto e pescoço, mais uma por cada perna ou braço, uma para a frente do corpo e outra para a parte de trás.

O protetor solar também costuma ter uma vida útil de 1 ano, e depois disso começa a perder as qualidades protetivas, então certifique-se de ter protetor ativo na reserva.

Fique esperto

Quando diagnosticados cedo, os melanomas apresentam 95% de chance de sobrevivência, portanto, verificar com frequência pintas e manchas frequentemente é importante, principalmente se elas apresentarem aumento no tamanho, bordas irregulares ou mudança de cor.

O Dr. Coulson também recomenda procurar ajuda médica se manchas escamosas e ásperas aparecerem em locais expostos, como bochechas, nariz, topos das orelhas ou mãos, e que durarem mais de três meses, já que eles podem ser um pré-câncer. Ciclistas de pele clara são particularmente propensos, diz ele.

Top dicas para evitar queimaduras

O ciclista recordista da volta ao mundo James Bowthorpe dá algumas dicas:

- Use óculos com proteção UV, mesmo que ele não seja específico para ciclismo – seus olhos podem queimar também.

- Cubra coxas e as costas das mãos generosamente com protetor, já que eles estão mais expostos ao sol.

Use mangas longas se você for pedalar por longos períodos, e procure usar roupas com alto nível de proteção UV. 

Curtiu esse post?

Quer receber mais conteúdo sobre bicicleta e ciclismo em sua casa? Então clique aqui conheça nossas ofertas de assinatura.

Comentários Facebook
Comentários
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Para postar seu comentário faça seu login abaixo.

E-mail
Senha

 

Cadastre-se Aqui | Esqueceu a senha?

Edições On-lineCadastre-se Esqueceu a senha?
E-mail
Senha
Vídeos

 

 

Para fechar o banner, clique aqui ou tecle Esc.

Revista Bicicleta 2012 © Todos os Direitos Reservados