REVISTA BICICLETA - Os benefícios do leite para os ciclistas
Baixe Gratuitamente a Edição Digital de Janeiro / Fevereiro 2017 da Revista Bicicleta!
Pneus Kenda

O Portal
da Bicicleta

SHIMANO
Revista Bicicleta - Edição 71

Assine

Revista Física
Revista Virtual



+bicicleta - Saúde - Alimentação

Os benefícios do leite para os ciclistas

Revista Bicicleta por Kate Hodgins / BikeRadar.com
5.350 visualizações
17/02/2016
Os benefícios do leite para os ciclistas
Foto: Reprodução Pecuária.pt

Quando o cirurgião cardiovascular Shyam Kolvekar disse em 2012 que a manteiga e o leite integral são contribuintes para bloquear as artérias com gordura, sugerindo que até 3.500 vidas poderiam ser salvas em um ano, muitos entenderam erroneamente que ele estava dizendo que o leite é ruim para você.

O que ele realmente quis dizer foi que nós devemos trocar para produtos com pouca gordura – como margarina e leite desnatado. Essa questão foi novamente confirmada por uma pesquisa recente sobre como leite desnatado continua sendo a super bebida dos ciclistas.

“Nossos estudos focaram na potencial aplicação do leite na performance esportiva, com ênfase particular em performance de resistência e recuperação dos exercícios,” disse o nutricionista esportivo Dr. Phil Watson da Universidade de Loughborough.

“A parte mais interessante foi o efeito do leite na restauração de líquidos perdidos após o exercício. Isso sugere que o leite é uma bebida ideal de recuperação pós-exercício, repondo efetivamente as perdas de suor que ocorrem durante o exercício e preenchendo novamente as reservas de carboidratos do corpo.”

Uma reposição completa e eficiente de carboidratos após os exercícios é essencial, e o ideal seria adicionar algumas proteínas, já que elas ajudam na recuperação muscular. Já que o leite contém ambos, é uma ótima opção para depois das pedaladas.

Apesar de o leite desnatado ter a mesma quantidade de eletrólitos e minerais que o integral, o desnatado (ou semi-desnatado para recuperar algumas gorduras) é mais saboroso e mata melhor a sede. Além disso, a gordura do leite integral facilmente leva ao desconforto pela sensação de barriga cheia.

“Quanto mais densa for a solução, mais demora para o estômago consumi-la”, diz o Dr. Watson, “portanto, leite desnatado parece não ser tão propenso a causar desconforto gastrointestinal ou inchaço quanto o leite integral.”

Stuart Phillips, da Universidade de McMaster, em Ontário, Canadá, também conduziu uma pesquisa sobre o consumo de leite após exercício de resistência, descobrindo que o leite após exercícios promove uma melhor retenção de fluidos do que um isotônico esportivo comum.

“Leite contém a proteína que parece atender melhor a reparação muscular. Sua mistura única de caseína e soro contém aminoácidos em um padrão similar ao da proteína muscular”, diz Phillips. “Também contém minerais e nutrientes essenciais para o nosso corpo, então é um pacote de nutrientes conveniente para você.”

Shutterstock.com

O que o leite tem para oferecer?

100ml de leite desnatado contém:

- 35kcal de energia: medida em calorias, é um aspecto essencial para poder praticar exercícios.

- 1,7g de proteínas: ajuda o corpo a reparar e fortalecer os músculos.

- 4,5g de carboidratos: necessários para fornecer energia. Quanto mais você pedala, mais precisa deles. Carboidratos são armazenados no fígado e nos músculos como glicogênio.

- 0,3g de gorduras: provê algumas vitaminas e ácidos gordos essenciais. Consumir demais pode levar a obstrução de artérias e obesidade.

- 22,5% dos valores diários recomendados de riboflavina: ajuda a manter sua pele, olhos e sistema nervoso saudável. Também ajuda a produzir esteroides e glóbulos vermelhos.

- 20% dos valores diários recomendados de vitamina B12: Ajuda a extrair energia da nossa comida, ajuda a fabricar glóbulos vermelhos e mantém o sistema nervoso saudável.

- 5% dos valores diários recomendados de vitamina C: Necessário para o crescimento e reparo de tecidos.

- 17,5% dos valores diários recomendados de cálcio: apresentou diminuição do acúmulo de gordura no corpo e acelera a perda de peso durante restrição energética.

Alguma alternativa?

Infelizmente, se você tem intolerância a lactose, os laticínios não vão concordar com você, e o leite de soja que você toma não terá as mesmas capacidades que o leite normal. “Bebidas de soja que tentam imitar o leite não chegam nem perto do leite real, por que usam proteínas muito diferentes, e os nutrientes simplesmente são jogados juntos para criar a bebida”, diz Phillips. “Nossos dados mostram que a proteína da soja é inferior à do leite em promover ganho muscular e síntese de proteína muscular.”

Mas se é apenas do gosto do leite que você não gosta há boas notícias, por que um estudo do ano passado anunciou que achocolatado é até melhor para você! O estudo, conduzido em com 13 jogadores de football em universidades, mostrou que os jogadores que beberam achocolatado tiveram menores níveis de ruptura muscular.

Este artigo foi originalmente publicado na revista Cycling Plus.

Curtiu esse post?

Quer receber mais conteúdo sobre bicicleta e ciclismo em sua casa? Então clique aqui conheça nossas ofertas de assinatura.

Comentários Facebook
Comentários
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Para postar seu comentário faça seu login abaixo.

E-mail
Senha

 

Cadastre-se Aqui | Esqueceu a senha?

Edições On-lineCadastre-se Esqueceu a senha?
E-mail
Senha
Vídeos

 

 

Para fechar o banner, clique aqui ou tecle Esc.

Revista Bicicleta 2012 © Todos os Direitos Reservados