REVISTA BICICLETA - Dever cidadão: solicitações de melhoria na mobilidade
Divulgue sua marca aqui!
Carbon - Raquel Bikes

O Portal
da Bicicleta

SHIMANO
Revista Bicicleta - Edição 80

Leia

Revista
Bicicleta



Notícias

Dever cidadão: solicitações de melhoria na mobilidade

Por Mobilize
4.534 visualizações

Dever cidadão: solicitações de melhoria na mobilidade
Foto: Divulgação

Andar e pedalar são formas prazerosas de apreciar a capital federal.  No entanto, há desafios ao percorrer a cidade. Tenho o hábito de registrar os obstáculos no caminho e enviar propostas de melhoria aos órgãos governamentais, na esperança de obter providências que humanizem a cidade.

O Brasília para Pessoas mantém seção específica que reúne as solicitações de providências e os pedidos de informações sobre mobilidade urbana. O espaço é aberto para colaborações de pessoas que também se incomodam com o nível de inacessibilidade e, no ano passado, publicamos dados e pedidos de providência diversos, tais como: informações sobre investimentos em calçadas, estacionamento rotativo, concurso de arquitetura para as passagens subterrâneas no Eixão; solicitações de melhorias na acessibilidade e de redução do limite de velocidade e de aumento da segurança para pedestres e ciclistas.

Em geral, gestores públicos e planejadores se enclausuram em gabinetes e carros refrigerados. Pouco conhecem da realidade do cidadão comum que anda, pedala e usa ônibus e metrô. Portanto, é importante lhes revelar os percalços no caminho.

Para retomar os pedidos ao Governo do Distrito Federal (GDF), enviei no final de janeiro relatos sobre as dificuldades de pedestres e ciclistas no Eixo Monumental, na altura do Tribunal de Justiça e na região da Torre de TV e Setor Hoteleiro. As duas solicitações registradas na ouvidoria do GDF foram motivadas pelos bloqueios diários no caminho e pelas péssimas condições de acessibilidade.

Na primeira solicitação de 2018 (clique para conferir a íntegra na seção específica do blog), relatei a dificuldade na travessia nas proximidades da Torre de TV e a inacessibilidade no Setor Hoteleiro, com calçadas destruídas e rampas bloqueadas ou inexistentes. Entre as sugestões, incluí: reforma de calçada, instalação de rampas e redução do tempo de espera no semáforo.

Algumas das fotos incluídas na primeira solicitação, registrada em 30/1/2018.

Na segunda solicitação de 2018 (clique para ver a íntegra), relatei os bloqueios diários na calçada próxima ao Palácio do Buriti, Câmara Legislativa e Tribunal de Justiça. Entre as propostas, a fiscalização para coibir as infrações e a instalação de balizadores para impedir os bloqueios.

Fotos no relato da segunda solicitação, registrada em 31/1/2018.

A temporada de sugestões ao governo está só começando e ainda há mais solicitações a enviar. Afinal, com a política rodoviarista em alta (ampliação viária, túneis e viadutos), quem dispensa o carro no dia a dia fica cada vez mais espremido por pistas e estacionamentos (formais e irregulares).

Fica a dica para quem se incomoda com o nível de inacessibilidade e gostaria de ter uma cidade humanizada. Registre as pedras no caminho, busque providências e compartilhe no blog. Em texto publicado no Mobilize Brasil, apresentei um passo a passo de como registrar os problemas e buscar providências dos órgãos governamentais.

Quanto mais cidadãos se queixarem, maior a chance de obter alguma providência. A cidade precisa de mais pessoas engajadas na busca de cidades humanizadas, com maior controle social em mobilidade urbana.

Comentários Facebook
Comentários
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Para postar seu comentário faça seu login abaixo.

E-mail
Senha

 

Cadastre-se Aqui | Esqueceu a senha?

Edições On-lineCadastre-se Esqueceu a senha?
E-mail
Senha
Revista Bicicleta 2012 © Todos os Direitos Reservados