REVISTA BICICLETA - Octogenário que escapou do nazismo refaz rota de bicicleta
MPRO
Lube Cera Premium

O Portal
da Bicicleta

SHIMANO
Revista Bicicleta - Edição 83

Leia

Revista
Bicicleta



Notícias

Octogenário que escapou do nazismo refaz rota de bicicleta

Paul Alexander foi uma das milhares de crianças salvas do extermínio ao serem enviadas em trens ao Reino Unido. Com 40 ciclistas, ele repete o roteiro que fez ainda bebê: mais de mil quilômetros de Berlim a Londres.

Por DW
2.826 visualizações

Octogenário que escapou do nazismo refaz rota de bicicleta
Paul Alexander, de 81 anos, termina em Londres a viagem de cinco dias de bike
Foto: Divulgação

Um grupo de 40 ciclistas chegou a Londres nesta sexta-feira (22/06), ao fim de uma viagem de cinco dias de bicicleta que começou em Berlim. A rota foi a mesma feita por crianças judias há quase 80 anos, quando conseguiram escapar do nazismo ao serem levadas de trem ao Reino Unido.

O mais velho deles é Paul Alexander, de 81 anos, uma das 10 mil crianças e adolescentes que embarcaram nos chamados Kindertransporte, iniciativa de uma organização britânica para salvar do extermínio pelos nazistas jovens judeus da Alemanha e outros países.

Em julho de 1939, os pais de Alexander o colocaram num desses trens que partiram da Alemanha em direção à capital britânica. Ele tinha apenas 18 meses.

"Tenho que agradecer a meu pai e minha mãe por terem me enviado sozinho. É impossível imaginar o que eles sentiram naquele momento", afirmou o octogenário em entrevista à agência de notícias britânica Press Association (PA), ao chegar a Londres nesta sexta-feira.

Os pais de Alexander também conseguiram viajar ao Reino Unido mais tarde, e a família foi finalmente reunida. Ele viveu na capital britânica até os 24 anos.

"Eu tive sorte: reencontrei meus pais após três anos, tive uma boa vida na Inglaterra e depois me mudei para Israel, onde construí uma linda família. Minha vida tem sido maravilhosa", celebra ele, enquanto muitas das crianças enviadas ao Reino Unido nunca mais viram seus pais.

Paul Alexander refez a rota de Berlim a Londres ao lado do filho Nadav (à dir.) e do neto Daniel (à esq.)

O grupo de ciclistas partiu no domingo da estação de Friedrichstrasse, na capital alemã – onde uma estátua recorda as crianças que escaparam do extermínio nos Kindertransporte –, em cerimônia que contou com a presença do embaixador britânico e de representantes do governo alemão.

O destino final da viagem, promovida pela organização World Jewish Relief, foi a estação de Liverpool Street, em Londres, que também abriga um monumento semelhante. Várias pessoas aguardavam a chegada dos ciclistas na cidade.

Para refazer a rota que vivenciou ainda bebê, Alexander teve a companhia de seu filho, Nadav, de 34 anos, e seu neto, Daniel, de 14. "É um passeio que faço a cada 80 anos", brincou ele, antes ainda de partir para a aventura de mais de mil quilômetros.

"Esta viagem, para mim, é uma viagem de vitória. De celebrar a boa vida", afirmou ele no domingo. "Estou indo também em homenagem a meus pais, que tiveram a coragem e a visão de me salvar ao me mandarem para longe do Holocausto."

Comentários Facebook
Comentários
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Para postar seu comentário faça seu login abaixo.

E-mail
Senha

 

Cadastre-se Aqui | Esqueceu a senha?

Edições On-lineCadastre-se Esqueceu a senha?
E-mail
Senha
Revista Bicicleta 2012 © Todos os Direitos Reservados